Sombras e Feridas

Há momentos em que só sentimos uma sombra escura
no nosso interior e feridas que parecem sem cura.
Há momentos em que a cabeça fica cheia,
mas o coração fica vazio e não bate – cambaleia.

Tem horas que é intensa a pressão
e a sobrecarga sobre nossas costas só deixa a lesão
na memória de mais um dia difícil,
e aquele sonho desejado foge de nós sem deixar indício.

Mas não há sombra que não ceda à luz do autoconhecimento,
e nem ferida que não sare com o amadurecimento.

Por Gigi Pormei

Deixe uma resposta