Tempo para Viver

Vivemos tão atribulados,
envoltos em compromissos e obrigações,
que nossas horas e tempo para viver acabam aniquilados.
(Quando foi que você fez suas últimas delegações?)

Esse cotidiano extenuante, sem controle e desvairado
de agendas e cabeças tão cheias
faz com que nunca sobre tempo para brincar e ficar despreocupado
e as nossas vidas ficam então mais pesadas e feias.

Ficamos muito ocupados em nossas atividades,
enquanto por dentro sabemos que só há conflito e guerra
entre nossas emoções e tarefas e vivemos cheios de vulnerabilidades.
(Mas por que tanto trabalho, se não levamos nada dessa Terra?)

Por isso, solte suas cargas.
Pare um pouco para ouvir os pássaros a cantar.
Não entre no rol dos que têm vidas amargas.
E se permita novamente a festejar e relaxar.

Por Gigi Pormei

Deixe uma resposta