Geleiras da Sibéria

Por que você tenta ficar tão distante assim?
Você por acaso tem medo de mim?
Seu olhar é mais congelante do que as geleiras da Sibéria,
e você nunca aceita minhas piadas, leva uma vida séria.

Não entendo a razão desse seu escudo.
Tanta armadura que pode estar calor, mas está de sobretudo.
Sempre com seus óculos escuros,
mas eu sei o quanto que você vive dias inseguros.

No fundo você tem apenas medo de viver,
e não é porque seu passado te machucou e te fez muito sofrer.
Você é que não quer confiar em sua própria beleza;
você que não vê que é uma força da natureza.

Permita-me te tirar dessa escuridão,
e você verá que vou curar esse assustado coração.
De fato existe gente que não sabe amar,
mas também você precisa aprender por quem optar.

2 comentários

Deixe uma resposta