Vontade

Por Gigi Pormei

Todos nós temos dois lados:
a criança que quer ser livre e ama viver
e o juiz com suas sentenças e corretivos pesados,
que no fim, sempre acaba por prevalecer.

Se duvida, pare um pouco para pensar
em quantas vezes você por algo ou alguém morreu de vontade,
mas preferiu fingir que não queria e se pôs a recusar
justo o que lhe deixava com água na boca e ficou sem saciedade.

Muitas vezes por medo do que iriam pensar,
você se escondeu e deixou de muito fazer.
Tudo isso só lhe trouxe as fotos vazias que você olha com pesar,
e coisas que você teve que engolir sem nenhum prazer.

Portanto, aprenda em si mesmo a confiar,
ao ponto de não mais com o que os outros vão falar se importar.
Aprenda que não se deve satisfações dar
a quem no fim só sabe nos julgar.

Um comentário

Deixe uma resposta