Eu te Desejo

Desejo é uma coisa engraçada:
quando vemos, já é maior do que a gente,
mas cresceu como se não quisesse nada.

Eu te desejo mais do que o sangue busca o coração para circular.
Desejo você mais do que a estrela precisa do espaço para girar.
Sem você, a vida vira um borrão sem brilho, sem cor.
Sem você, é preferível antes até a mais terrível dor.

Mas você me disse adeus cedo demais
e agora ao olhar meu lençol sem seu amor de volta jamais,
juntos choramos: eu e seu vazio.
Lá fora a neve; aqui dentro da sua falta o frio.

Por que você demorou tanto para acreditar em mim?
Como pode alguém tão belo ter vivido em dúvidas sem fim?
Você preferiu amar a mentira dos outros do que a verdade de nosso amor.
Você escolheu a segurança frígida ao invés de noites vividas com vigor.

Só que eu não vou te invadir.
Seu espaço respeitar eu me pus a decidir.
Não foi fácil me manter de você distante,
mas nada posso fazer por um amor inconstante.

Por Gigi Pormei

O que fazer com um desejo grande demais?

Podemos desejar pessoas, coisas, viagens, posições melhores, mais amor, mais saúde, mais dinheiro, mais sorte… enfim, quando queremos algo ou alguém, não existe limite para nossa imaginação e coração.

O problema é quando esse desejo se torna até maior do que nós mesmos e o que antes nos inspirava, passa a nos torturar.

Dei muitas cabeçadas na parede para aprender a controlar meus desejos e já perdi a conta de quantas vezes por algo não ser como eu queria, eu desistia ou fazia de conta que não queria mais, sendo que meu coração gritava por aquela bendita coisa.

Mas depois fui aprendendo a desenvolver mais autocontrole que foi o analgésico que eu precisava para tantas cabeçadas kkkk.

E você? Já desejou algo ao ponto de perder a cabeça e depois viu que não valeu a pena, ou viu que precisava de novas estratégias? Deixe nos comentários, que terei prazer em ler!

Espero que gostem da Poesia de hoje!

Deixe uma resposta