Nômade

Certo está o nômade
que mais do que viajar pelo mundo,
também sabe visitar de sua alma o fundo
sem temer a de seu próprio Eu diversidade.

Quem tem fome por aventura
não vê desculpa nem tempo ruim,
tendo por bússola sua intuição sem fim
e abraça com prazer sua própria loucura.

É também aquele que tem tesão pela vida,
que prefere a prática do que a teoria
de ser indivíduo e descobrir a força de sua minoria,
sem nunca deixar sua criança interior desaparecida.

E que sabe pegar com força a mão do Destino,
quando esse com alegria lhe convida
para mais um passo nessa jornada infinita
na qual todos estamos para sair desse do mundo desatino.

Por Gigi Pormei

Você Já Tentou Ser Nômade de Si Mesmo?

Em tempos em que medidas de saúde nos restringem de viajar física e até geograficamente, nada melhor do que experimentar algum tipo de viagem interior. Nunca ouviu falar? Então leia abaixo!

Eu mesma tenho aproveitado para estudar o significado dos sonhos e também tenho procurado exercícios para aguçar minha intuição, numa busca constante de praticar autoconhecimento.

Além disso nos finais de semana tenho feito caminhadas bem cedo, enquanto pratico a “Observação Consciente“, que é um método de olhar para todo o entorno: casas, vegetação, pessoas, animais, estabelecimentos e o que mais for, tentando ao mesmo tempo, prestar atenção no máximo possível de detalhes, sejam eles tanto visuais quanto sonoros ou mesmo que contemplem outros sentidos.

Inclusive admito que tenho me impressionado com a quantidade de “coisas escondidas” que tenho encontrado por simplesmente parar de só andar de cabeça baixa, perdida em preocupações ou divagações, tal como a maioria das pessoas que estão sempre com pressa, porém sem saberem exatamente pelo quê.

Tal método serve para permitir que a mente absorva mais conhecimento e ganhe mais referências para que ela possa incorporar mais dados ao nosso consciente e subconsciente. Isso tudo mais tarde pode nos servir para os famosos “insights” ou inspirações diversas que são tão úteis para nos tirar de vários “sufocos”.

Então, a dica de hoje é para que não tenha medo de viajar para dentro de si mesmo! Se permita olhar para ângulos que você não é habituado e sempre mantenha uma postura de aprender mais, sem julgamento e principalmente, com postura aberta para todas as novidades que a Vida tem a nos oferecer.

Gostou dessa Poesia? Então curta e compartilhe com alguém que gosta de viajar!

Deixe uma resposta