Incômodos

Há incômodos que são como elefantes em disparada:
fazem muito barulho, mas logo se vão.
Outros são persistentes, nos deixando com a alma desamparada
crendo que não mais vai ter sossego nosso coração.

Ainda assim o que são os incômodos se não meros problemas,
que quando enfim os vencemos, eles se tornam tão pequenos,
que quando voltamos a falar deles e de seus emblemas,
chegamos a gargalhar, abraçando a volta de tempos serenos?

Não há períodos de sobrecarga ou de pressão
que realmente destruam aquele que em si tem fé:
fé para superar; fé para trazer à tona seu poder de superação
e a continuar sempre em frente sem olhar para trás, sem dar ré.

Porque somente os verdadeiros valentes
herdarão a mais duradoura paz,
que é quando descobrem a força de suas mentes
e que é ela quem toda conquista a nós traz.

Por Gigi Pormei

Deixe uma resposta